justiceleague-movie-zack-snyder-the-glove-and-the-storyboard
Zack Snyder: tragédia pessoal levou à desistência.

Uma notícia inesperada e bombástica foi divulgada hoje à noite. E trágica também. O diretor Zack Snyder está oficialmente deixando a produção de Liga da Justiça. A razão é que uma filha do diretor se suicidou no mês de março e, após tentar continuar na produção, o cineasta achou que era o melhor para a sua família se afastar do trabalho. Sua esposa, a produtora Deborah Snyder, maior responsável operacional pelo longa, também se desligou do projeto. Para substituí-lo foi chamado Joss Whedon (de Os Vingadores), que irá realizar algumas refilmagens nos próximos meses e será o responsável pelo corte final do filme.

A filha do cineasta, Autumn Snyder tinha apenas 20 anos e era filha do primeiro casamento dele. A tragédia da família Snyder não tinha sido divulgada na imprensa até hoje. Em declaração ao The Hollywood Reporter, o diretor disse que achou que o trabalho seria a melhor cura para a dor, mas com o passar do tempo, percebeu que sua família precisava mais de si, pois tem outros sete filhos.

Em minha cabeça, eu pensei que era uma coisa catártica voltar ao trabalho, para me enterrar e ver se esse era o jeito de passar por isso. [Mas] a demanda desse trabalho é muito intensa. Tudo é consumido. E nos últimos dois meses, eu percebi que… eu decidi dar um passo atrás do filme para estar com minha família, com meus filhos, que realmente precisam de mim. Eles estão todos tendo um período muito difícil. Eu estou tendo um tempo muito difícil.

Snyder também disse que resolveu vir a público e ser franco porque sabia que, ao abandonar a produção, iriam surgir muitas histórias e rumores, e que era melhor deixar tudo claro.

ageofultron official joss whedon reading
O diretor Joss Whedon.

Segundo a reportagem, semanas atrás, Snyder exibiu um corte bruto de Liga da Justiça para amigos e outros cineastas, e viu que precisava escrever novas cenas. O diretor decidiu chamar Joss Whedon (de Os Vingadores) para escrever as novas cenas, porque o cineasta entrou para o time DC para comandar o filme solo da Batgirl. Mas as refilmagens seriam na Inglaterra (onde o longa foi filmado) e, ao ver que sua família estava muito mal, Snyder achou melhor abandonar o barco, e convidou Whedon a assumir.

Whedon tem um estilo mais leve e colorido do que Snyder, mas tendo em vista que o lançamento do filme é para novembro (!), adicionará apenas algumas cenas complementares e fará a edição final do filme.

O CEO da Warner, Toby Emmerich soltou um comunicado afirmando que a interferência de Whedon será mínima e que não mudará o tom do filme, nem acrescentará novos personagens. São apenas algumas novas cenas, mas o todo seguirá o caminho definido por Snyder.

A Warner pensou em adiar o filme, mas até o momento, a data de lançamento está mantida. As refilmagens devem ocorrer no mês de julho e agosto e o longa deve ser assinado pelos dois diretores.

Anúncios