Carrie Fisher como Leia Organa em O Despertar da Força.
Carrie Fisher como Leia Organa em O Despertar da Força.

Uma reportagem da BBC (reproduzida pelo Star Wars News Net) afirmou que a Disney está negociando com os herdeiros da atriz Carrie Fisher sobre o uso da imagem dela para seus filmes futuros. Fisher interpretou a Princesa Leia Organa na trilogia original de Star Wars e retornou ao papel em sua versão idosa em Episódio VII- O Despertar da Força, mas faleceu em consequência de um ataque cardíaco duas semanas atrás. A atriz já tinha gravado suas cenas para o Episódio VIII, mas fica no ar como se dará a resolução de seu arco dramático no Episódio IX.

A notícia dá a entender que a LucasFilm e a Disney irão adotar o uso da reconstrução de uma Leia Organa digital para o último filme da nova trilogia. O artifício de usar personagens digitais já é corriqueiro em Hollywood – veja o caso do Hulk, por exemplo – porém, o mais recente filme da franquia de Star Wars, Rogue One, trouxe uma grande inovação nesse sentido: usou como personagem importante o Grand Moff Tarkin, o comandante da Estrela da Morte, que foi um dos principais vilões do primeiro filme realizado da saga, Star Wars – Episódio IV: Uma Nova Esperança, de 1977. Como Rogue One se passa imediatamente ANTES do Episódio IV, a LucasFilm criou uma versão digital do ator Peter Cushing, que interpretou Tarkin em 1977, pois o ator morreu em 1994!

O Tarkin de Peter Cushing foi reconstruído para Rogue One. Precedente.
O Tarkin de Peter Cushing foi reconstruído para Rogue One. Precedente.

Aparentemente, será feito o mesmo com a General Leia Organa para o Episódio IX. É bem possível, também, que algumas cenas de Carrie Fisher gravadas para o Episódio VIII sejam resguardadas para o seguinte.

Já houve uma versão digital de Leia: na última cena de Rogue One, a personagem ressurge jovem (como era em 1977) para dar início os eventos de Uma Nova Esperança. Fisher colaborou com a LucasFilm para que recriassem uma versão digital de seu rosto jovem durante alguns segundos de filme.

Uma versão jovem como esta de Leia aparece no fim de Rogue One.
Uma versão jovem como esta de Leia aparece no fim de Rogue One.

É provável que o mesmo uso seja realizado no Episódio IX.

Leia tem um arco dramático que precisa se resolver: ela e Han Solo são os pais do vilão Kylo Ren, que matou o próprio pai em O Despertar da Força. É esperado que ela reencontre o filho em algum momento da trama e isto não acontece no Episódio VIII.

Star Wars – Episode VIII é escrito e dirigido por Rian Johnson e o elenco traz: Mark Hamill (Luke Skywalker), Daisy Ridley (Rey), John Boyega (Finn), Adam Driver (Kylo Ren), Oscar Isaac (Poe Dameron), Carrie Fisher (Leia Organa), Anthony Daniels (C3PO), Peter Mayhew (Chewbacca), Andy Serkis (Supremo Líder Snoke), Domhnall Gleeson (General Hux), Lupita Nyong’o (Maz Kanata) e Gwendoline Christie (Capitã Phasma). A estreia será em 15 de dezembro de 2017.
Star Wars é uma série de filmes que estreou em 1977, criada, escrita e dirigida por George Lucas. Foram produzidos primeiro os Episódios IV – Uma Nova Esperança, V – O Império Contra-Ataca VI – O Retorno de Jedi (1977, 1980, 1983) e depois os Episódios I – A Ameaça Fantasma, II – O Ataque dos Clones e III – A Vingança dos Sith (1999, 2003, 2007), além de diversas outras produções para outras mídias, como quadrinhos, livros, games e as séries animadas Star Wars – Clone Wars e Star Wars – Rebels.
Anúncios