Pistoleiro e Arlequina terão filmes próprios.
Pistoleiro e Arlequina terão filmes próprios.

Ontem à noite a DC Comics surpreendeu todo mundo anunciando não um mas três filmes dentro do universo de Esquadrão Suicida, o grupo de vilões reunidos pelo Governo dos EUA para missões impossíveis em troca de redução de pena. Além de Esquadrão Suicida 2, o estúdio confirmou Pistoleiro, um filme solo do personagem vivido por Will Smith, e Gotham City Sirens, que vai reunir o grupo formado por Arlequina, Mulher-Gato e Hera Venenosa. As informações foram divulgadas pelo site The Hollywood Reporter.

Destes, já estava praticamente confirmado o spin-off da Arlequina, personagem interpretada por Margot Robbie, que roubou a cena em Esquadrão Suicida. A surpresa é tratar-se de Gotham City Sirens e não Birds of Prey ou Aves de Rapina, que é um grupo de heroínas eventualmente composto também por vilãs como a Arlequina.

O anúncio diz que Gotham City Sirens ou As Sereias de Gotham City trará não apenas a Arlequina, mas também Mulher-Gato e Hera Venenosa, portanto, um trio de vilãs, com as duas primeiras sendo extremamente populares. O melhor de tudo é que o site não exclui a possibilidade das Aves de Rapina também aparecem, pelo menos numa versão compacta, com Batgirl e outras. Quem irá dirigir o filme será o mesmo David Ayer de Esquadrão Suicida, mas ele não irá escrever o roteiro, que caberá a Geneva Robertson-Dworet, do novo Tomb Rider e de Sherlock Holmes 3.

Com esta informação, fica claro que Ayer não dirigirá Esquadrão Suicida 2, que provavelmente, trará uma formação bem diferente do grupo.

Por fim, o Pistoleiro de Will Smith também ganhará um filme solo. Com isso, aqueles velhos rumores de que ele iria participar do filme futuro do Batman não deverá acontecer.

***

O Pistoleiro foi criado por Bob Kane, David Vern Reed e Lew Schwartz em Batman 59, de 1950. Inicialmente, era apenas um assassino de aluguel comum, mas Steve Englehart e Marshall Rogers o transformaram em um vilão uniformizado num arco de histórias de 1976. Nos anos 1980, o personagem se tornou um dos principais membros do Esquadrão Suicida e um personagem de maior relevância dentro do Universo DC.

A Arlequina ou Harley Quinn foi criada pelo escritor Paul Dini e o cartunista Bruce Timm, em 1992, exclusivamente para o desenho animado Batman – A Série Animada, aparecendo em Joker’s Favor, o 22º episódio da primeira temporada. De sucesso imediato, a personagem foi mais tarde transposta para os quadrinhos na graphic novel Batman: Harley Quinn, escrita por Dini e desenhada por Yvel Guichet, em 1999, no meio do arco Terra de Ninguém. Sua popularidade a levou a ganhar uma revista própria, que teve 38 edições, entre 2001 e 2004.

Chegou a existir um time com o nome de Esquadrão Suicida na DC Comics em 1959, contudo, a encarnação mais famosa da equipe foi criada pelo roteirista John Ostrander (com desenhos de John Byrne) para a edição 03 da minissérie Legends, em 1987. Em seguida, o grupo ganhou até revista própria, sendo desde então, uma parte importante do Universo DC. Em live action, o grupo já apareceu nas séries de TV SmallvilleArrow.

Anúncios