Thor 3: Novos rumores voltam a apontar a adaptação de Planeta Hulk

Planeta Hulk no cinema?

Planeta Hulk no cinema?

Enquanto está atualmente em pré-produção, cada vez mais esquentam as informações sobre Thor – Ragnarok, terceiro filme solo do membro dos Vingadores, criado pela Marvel Comics e levado aos cinemas pelo Marvel Studios e Disney Pictures. E agora, novamente recaem os informes de que o filme irá adaptar a história Planeta Hulk, um dos grandes sucessos da Marvel nos anos 2000.

Os rumores sobre Planeta Hulk vão e vêm, mas agora isso se torna mais provável, quando o site JoBlo, que vem acertando muitos “rumores” nos últimos tempos, traz como certa tal informação. Segundo suas fontes, obviamente, se trata de um filme do Thor e Planeta Hulk será sintetizada ao máximo como um subplot que deve ocupar o 2º Ato do filme, enquanto a trama se desenvolve. O site diz que a trama de Ragnarok envolve Thor partir de Asgard em busca da “arma definitiva” para evitar o apocalipse.

Primeira arte promocional de Ragnarok mostra Hela.

Primeira arte promocional de Ragnarok mostra Hela.

O que deve desencadear esse apocalipse deve ser o ataque de Hela à Asgard – é o que dá a entender a imagem promocional divulgada pela própria Marvel alguns dias atrás – somada à gestão de Loki daquele reino, já que ele tomou o lugar de seu pai, Odin, no comando. O que é essa arma definitiva também é discutível: poderia ser até o próprio Hulk, mas é mais provável que seja outra das Joias do Infinito, tendo em vista que, de todos os filmes da Fase 3 do Marvel Studios, Ragnarok é o que mais se aproxima tematicamente de Vingadores – Guerra Infinita Parte 1 e 2, que compõem o fim dessa etapa.

Hulk: gladiador!

Hulk: gladiador!

O site diz também que na busca por essa “arma definitiva”, entram os elementos de Planeta Hulk: Thor irá parar em um planeta em que alienígenas superpoderosos lutam uns com os outros como em um torneio de gladiadores da Roma Antiga. É neste planeta – Sakaar, provavelmente – que reencontrará o Hulk, que terminou Vingadores – Era de Ultron em um destino ignorado. Outro personagem que deverá estar no “torneio” é Valquíria, que usará pintura facial como os nativos norteamericanos. O visual do Hulk será igual ao da saga dos quadrinhos, com uma armadura de gladiador. Quem comandará este planeta e o torneio seria o Grande Mestre, outro dos vilões do filme.

Provavelmente, similar à saga original, Hulk irá se aliar a seus amigos – neste contexto Thor e Valquíria – e se rebelará contra o Grande Mestre. Daí, irão atrás de Hela e Loki.

Visto por este ângulo, é muito possível. Se O Mundo Sombrio já mostrou um pouco mais do cotidiano de Asgard e do restante dos Nove Reinos, Ragnarok pode ir mais fundo, com a “sorte” não precisar gastar nem 1 minuto de seu tempo com a Terra. Guardiões da Galáxia já mostrou que isso é possível e Ragnarok deve seguir a mesma toada. Inclusive, espere por algum tipo de referência a este outro filme, pois já houve uma conexão mediante a cena pós-créditos de O Mundo Sombrio que mostrava Sif e Volstag entregando o Eter (uma das Joias do Infinito) ao Colecionador, personagem que reapareceu em Guardiões da Galáxia.

***

Capa da versão brasileira de Planeta Hulk, da Panini: no cinema?

Capa da versão brasileira de Planeta Hulk, da Panini: no cinema?

Nas HQs, Planeta Hulk tem textos de Greg Pak e desenhos de Carlo Pagulayan, e foi publicada na revista The Incredible Hulk 92 a 105, de 2006 e 2007. Na trama, ao considerarem o Hulk uma ameaça irrefreável à Terra, personagens como Tony Stark e Reed Richards enviam o golias verde em um exílio no espaço, com ele caindo no planeta Sakaar, onde terá que lutar como um gladiador contra outros tão fortes como ele. Uma vez lá, o gigante de jade vai vencendo todas as batalhas e fica tão popular que lidera uma rebelião contra o Rei Vermelho que domina Sakaar, numa clara analogia à história de Spartacus. A história está disponível num encadernado no Brasil pela editora Panini Comics. A história também já foi lançada como um desenho animado em longametragem.

Ragnarok é o Apocalipse da Mitologia Nórdica. O filme provavelmente lidará com as consequências da tomada de Asgard por Loki, ao mesmo tempo que haverá a investida de Hela, a deusa da morte e Rainha dos Reinos de Hel e Riffleheim. O longa trará a participação do Incrível Hulk e terá fortes conexões com a grande trama cósmica do Universo Marvel, que envolve as Joias do Infinito e deve conduzir à Vingadores – Guerra Infinita Parte 1, que estreia em 2018.

Thor – Ragnarok foi escrito por Craig Kyle, Christopher Yost e Stephany Folsom, e será dirigido por Taika Waititi. O elenco traz Chris Hemsworth (Thor), Tom Hiddleston (Loki), Mark Ruffalo (Bruce Banner/ Hulk), Cate Blanchett (Hela), Anthony Hopkins (Odin), Idris Elba (Heimdall), Jeff Goldblum (Grande Mestre), Karl Urban (Skurge, o Executor), Tessa Thompson (Valquíria). As filmagens devem ocorrer no próximo semestre na Austrália. O filme é parte da Fase 3 do Marvel Studios, que se iniciou com Capitão América – Guerra Civil. O lançamento será em 28 de julho de 2017.

Baseado nas lendas da mitologia nórdica, onde é o deus do trovão, Thor surgiu nos quadrinhos em 1962, nas mãos de Stan Lee, Larry Lieber e Jack Kirby, estreando em Journey Into Mystery 83. Os quadrinhos mantiveram sua origem mítica, mas colocando-o em um contexto de super-heróis do presente. Ele seria um dos membros fundadores dos Vingadores em 1963 e continua até hoje sendo publicado pela Marvel Comics.

O Incrível Hulk foi criado por Stan Lee e Jack Kirby em 1962, estreando na revista The Incredible Hulk 01. O personagem já teve vários desenhos animados, uma série para a TV com atores e dois filmes para o cinema. Nos quadrinhos, é membro fundador dos Vingadores e também dos Defensores.

About hqrock - Irapuan Peixoto

Doutor em Sociologia, professor universitário, músico e escritor amador. Nascido em 1979, já via quadrinhos antes de aprender a ler. Coleciona revistas desde 1990. É roqueiro de nascença. Toca em bandas de vez em quando, mas está gravando um disco com suas composições.

Posted on 31/05/2016, in Filmes, Hulk, Marvel Comics, Marvel Studios, Revistas, Thor. Bookmark the permalink. 2 comentários.

  1. Faz todo sentido e, caso seja verdade, parece um belo roteiro para o promissor melhor filme da trilogia Thor.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: