A imagem da capa da Total Film.
A imagem da capa da Total Film.

Aumentando cada vez mais a expectativa, Batman vs Superman – A Origem da Justiça, sequência de Superman – O Homem de Aço, o reinício da franquia cinematográfica da Warner Bros. sobre o personagem da DC Comics, que colocará o homem-morcego contra o último filho de Krypton, resultando no primeiro encontro cinematográfico dos dois mais icônicos de todos os super-heróis, é capa da revista britânica Total Film no mês de novembro, com uma reportagem cheia de novas informações sobre o filme, além de depoimentos do elenco e do diretor. Vamos fazer um rápido apanhado do que foi divulgado até agora (já que a revista sequer chegou às bancas).

Talvez, o mais importante tenha sido a revelação de Henry Cavill sobre como se dá o início do filme e qual é a motivação do Batman para odiar o Superman. Já tínhamos suposto isso pelo trailer, mas agora temos mais detalhes. O ator que vive o homem de aço disse:

O que acontece é que um dos prédios de Bruce [Wayne] é destruído [na batalha entre Superman e Zod no fim de O Homem de Aço] e ele tenta salvar todas as pessoas dentro do prédio e não consegue. Então, ele é essa pessoa raivosa que odeia o que o Superman pode fazer. Por que deveríamos confiar neste alienígena superpoderoso? E se ele decidir se voltar contra nós?

Ben Affleck como Bruce Wayne no trailer: em meio à destruição.
Ben Affleck como Bruce Wayne no trailer: em meio à destruição.

Ben Affleck, que vive o homem-morcego, também fala da motivação do seu personagem:

[Batman] descobre a si próprio guardando essa quantidade enorme de raiva do Superman. Então, é como ele está e o que isso faz com ele. e o que isso causa às pessoas que estão em volta dele, como Alfred, que está, eu acho, bastante assustado e preocupado por ele. É algo que é interessante e novo.

Além disso, a revista revela que a cena – que já vimos no trailer (veja aqui) – em que Bruce Wayne está em Metrópolis em meio à batalha do Superman contra Zod serve como um tipo de prólogo do filme. Depois, a trama salta 18 meses e é esse o tempo em que se passa A Origem da Justiça: um ano e meio após os eventos de O Homem de Aço.

Além disso, também ficamos sabendo que a armadura do Batman usada para lutar contra o Superman foi inteiramente construída com CGI e que Ben Affleck não gostou nem um pingo da experiência. Achando a captura de movimentos a coisa mais ridícula e humilhante que já realizou no cinema.

Superman: temido por seus poderes.
Superman: temido por seus poderes.

O ator Jesse Eisenberg elogiou o trabalho de Ben Affleck e comentou a alegria de atuar com ele no set. Pelo dito, haverá cenas dos dois atores no filme, mas não sabemos se Lex Luthor irá interagir com Bruce Wayne ou Batman (ou os dois?). Há rumores de um tipo de discussão entre os dois empresários em meio a uma festa.

Affleck ainda foi questionado sobre a possibilidade de dirigir um filme solo do homem-morcego e sua resposta é reveladora. Lembre-se que o ator tem uma carreira de três filmes já dirigidos, todos bastante elogiados pela crítica e o último, Argo, além do sucesso, também lhe rendeu o Oscar de Melhor Diretor. À revista ele disse:

Olhe, se eu conseguisse fazer funcionar, sim, obviamente, seria como um tipo de sonho. O desafio é, como em qualquer filme, é ter certeza que você… Se você for dirigi-lo… que você pode fazê-lo bem. Você tem que ter a ideia certa e a abordagem correta. Apenas falando, [dirigir um filme do Batman] é algo que estou aberto, claro. É uma ideia muito animadora.

Batman vs Superman:  raiva e culpa?
Batman vs Superman: raiva e culpa?

Mesmo dizendo que gostaria, Affleck ainda é bastante polido no tema. O produtor Charles Roven parece um pouco mais direto:

[Ben Affleck] tem uma agenda cheia, está para começar um filme agora [como diretor]. E ele também tem as obrigações de estar no filme da Liga da Justiça. O calendário está um pouco apertado. É claro, o roteiro obviamente tem que ter algo dele para que queira dirigir e, uma vez que aconteça, é ainda difícil de encaixar no cronograma. Estamos esperando que ele possa fazer. Estamos apenas no início da questão.

Mulher-Maravilha no trailer de A Origem da Justiça.
Mulher-Maravilha no trailer de A Origem da Justiça.

Roven coloca as questões em seus termos pragmáticos: além dos filmes que já está agendado para dirigir – um deles agora no ano que vem – Ben Affleck ainda tem seus compromissos como ator, que incluem o filme da Liga da Justiça. Então, para dar certo, é necessário não apenas que Affleck se envolva com o roteiro e tenha um bom sentimento em relação à história do filme solo do Batman, mas ainda, conseguir encaixá-lo em sua agenda apertadíssima.

Isso quer dizer que, apesar de Affleck e DC quererem, o ator/diretor pode terminar não assumindo o filme solo do Batman por causa da agenda. Mas tendo em vista que o homem-morcego é a propriedade mais valiosa da Warner/DC e a necessidade de um diretor não apenas bom, mas excelente e premiado, para bater de frente com a Trilogia Cavaleiro das Trevas de Christopher Nolan, é de se esperar que as negociações sejam intensas e se acertem. De qualquer modo, não há uma data agendada para um novo filme do homem-morcego dentro do cronograma atual da Warner – que vai até 2020 – mas pode ter certeza de que será dada a largada nessa produção em breve, ainda mais se algum dos filmes programados não fizer o sucesso esperado, afinal, um filme do Batman é sempre uma maneira de levantar o caixa.

O HQRock já fez algumas especulações sobre que história poderíamos ter em uma nova sequência de filmes solos do Batman (veja aqui).

***

Em Batman vs. Superman – A Origem da Justiça, um Batman mais experiente irá se contrapor ao recém-surgido Superman, criando algum tipo de conflito entre ambos, mais ou menos nos parâmetros da minissérie Batman: O Cavaleiro das Trevas, escrita e desenhada por Frank Miller, em 1986. Segundo os informes até agora, será um “novo” Batman e não uma sequência da Trilogia Cavaleiro das Trevas, embora a premissa de um homem-morcego mais experiente seja justamente adequada a isso.

Mulher-Maravilha também terá uma participação no filme. Lex Luthor é o vilão principal, mas haverá outro antagonista, provavelmente, mais físico, que pode ser alguém como Doomsday (Apocalypse), Metallo ou Parasita. Outros personagens da DC Comics, como Aquaman e Ciborgue, terão pequenas participações no filme. A cidade de Detroit serve de modelo para Metrópolis e para Gotham City também. As filmagens ocorreram no Estado de Michigan e já se encerraram.

Batman v. Superman – Dawn of Justice  é produzido por Deborah Snyder e Charles Roven, com roteiro de Chris Terrio (de Argo) e David S. Goyer (dos filmes do Batman e O Homem de Aço); e dirigido por Zack Snyder (de 300 Watchmen), funcionando como uma sequência de Superman – O Homem de Aço. O elenco traz Ben Affleck (Batman/Bruce Wayne), Henry Cavill (Superman/Clark Kent), Amy Adams (Lois Lane),  Jesse Eisenberg (Lex Luthor), Diane Lane (Martha Kent), Laurence Fishburne (Perry White), Jeremy Irons (Alfred Pennyworth), Gal Gadot (Diana Prince/ Mulher-Maravilha), Tao Okamoto (Mercy Graves), além de Holly Hunter (uma senadora), Callan Mulvey (rumores dizem que fará Anatoli Kanyazev, o KGBesta) e Scoot McNairy em papeis não revelados; e a participação especial de Jason Mamoa (Orin/ Aquaman). Rumores também dão papeis a Jena Malone (Barbara Gordon) e Eli Snyder (Robin/ Jason Todd). O lançamento será em 25 de março de 2016.

Superman foi criado por Jerry Siegel e Joe Shuster em 1938, estreando na revista Action Comics 01, e desde então é publicado pela DC Comics.

Batman foi criado pelo cartunista Bob Kane, estreando na revista Detective Comics 27, de 1939 e desde então é publicado pela DC Comics.

 

Anúncios