Seth Grahame-Smith pode escrever e dirigir The Flash.
Seth Grahame-Smith pode escrever e dirigir The Flash.

Apesar de estar fazendo sucesso na TV, Flash, o super-herói velocista criado pela DC Comics, chegará aos cinemas em breve. Já existe um roteiro e o certeiro site The Hollywood Reporter afirmou ontem que o escritor Seth Grahame-Smith está sendo sondado para dirigir a estreia do velocista escarlate nas telonas. Autor de Abraham Lincoln: Caçador de Vampiros, Grahame-Smith faria sua estreia como diretor nessa obra.

À princípio, a notícia não faz muito sentido, afinal, por que a Warner Bros. colocaria uma produção supermilionária de um personagem que grande potencial de sucesso (vide o que está acontecendo na TV) nas mãos de alguém que nunca dirigiu um filme antes? Mas em se tratando de Hollywood, nunca se sabe. Deadpool, sobre o personagem da Marvel, também será dirigido por um estreante, embora neste caso seja alguém que já trabalhava na indústria do cinema diretamente.

Não. O Flash que vai aos cinemas não é o da TV.
Não. O Flash que vai aos cinemas não é o da TV.

The Flash, o filme, já tem um roteiro escrito pela dupla Phil Lord e Christopher Miller (de Lego Movie), que por sinal, estavam cotados para dirigir também o filme. Porém, o duo deixou o trabalho para ir à Disney e comandar o derivado de Star Wars que trará as aventuras do jovem Han Solo. A ideia que corre agora é que Seth Grahame-Smith também irá escrever The Flash. Se ele vai aproveitar o texto da dupla anterior não se sabe.

The Flash já tem um protagonista: Ezra Miller (de Precisamos Falar com Kevin). Rumores garantem que o personagem fará sua estreia nos cinemas em uma pequena ponta em Batman vs Superman – A Origem da Justiça, que estreia em março de 2016. Com certeza, o Flash aparecerá em Liga da Justiça – Parte 1, em 2017, antes de seu filme solo, cuja estreia está agendada para 03 de março de 2018.

O Flash do cinema também será Barry Allen, mas numa realidade sem qualquer ligação com a corrente série de TV.

O Flash foi criado por Gardner Fox e Harry Lampert, aparecendo em Flash Comics 01, de 1940. Em sua primeira versão era o universitário Jay Garrick. Após ser cancelado, o Flash ganhou uma segunda e mais famosa versão em 1956, estreando na revista Showcase 04, reformulado por Robert Kanigher e Carmine Infantino, sendo considerado o marco zero da Era de Prata dos Quadrinhos. Na trama, este novo Flash era o policial forense Barry Allen, que ganha seus poderes em um acidente de laboratório. Este Flash também foi membro fundador da Liga da Justiça, em 1960. Outras versões do Flash surgiram desde então, como Wally West, mas é Barry Allen o mais querido dos fãs e titular oficial do cargo.

Anúncios