Os Novos Titãs.
Os Novos Titãs.

Enquanto tenta se sedimentar no cinema, o Universo DC se expande na TV. O Deadline Hollywood confirmou ontem que foi encomendado o Episódio Piloto de uma série de TV dos Novos Titãs, equipe de super-heróis adolescentes publicados pela editora DC Comics. A notícia vem para turbinar ainda mais os fãs, pois se une à confirmação de uma série sobre a Supergirl, a prima adolescente do Superman, além do fato da corrente série Arrow formar a sua própria versão da Liga da Justiça. Sem falar que este ano veremos as estreias de Gotham, Constantine e The Flash. É a invasão da DC ao reino da TV.

Vamos por partes.

O Deadline diz que Teen Titans será produzido pelo canal a cabo TNT (a primeira investida live action da DC na rede fechada). Os escritores Akiva Goldsman (de Um Mente Brilhante, Anjos e Demônios, Eu Sou a Lenda) e Marc Haimes (de The Lost World) escreverão o Episódio Piloto e também serão os produtores executivos da série. O episódio será avaliado pela rede que decidirá se encomenda uma série completa ou não. Segundo o site, os Novos Titãs serão liderados por Dick Greyson (o primeiro Robin), mas sob a identidade de Asa Noturna (que usa atualmente), para que não fique tão diretamente vinculado ao Batman. Outros membros da equipe devem ser os tradicionais Ravena, Estrelar, Mutano, Ciborgue, Kid Flash, dentre outros.

A primeira versão dos Teen Titans surgiu em 1964 reunindo apenas “parceiros mirins” dos quadrinhos da DC Comics, com Robin, Moça-Maravilha, Kid Flash e Aqualad. De pouca expressão na época, o grupo ganhou uma versão mais séria em 1980, The New Teen Titans (traduzida no Brasil apenas como Os Novos Titãs), criados por Marv Wolfman e George Perez, reunindo Robin (que logo virou Asa Noturna), Ravena, Estrelar, Mutano, Ciborgue e Kid Flash. Ao longo dos anos 1980, a revista do grupo foi o maior sucesso de vendas da DC, batendo heróis tradicionais, como Superman e Batman.

Asa Noturna: herói popular.
Asa Noturna: herói popular.

Atualmente, os Novos Titãs têm uma série em desenho animado Teen Titans Go! no canal à cabo Cartoon Network. No passado já havia surgido um rumor de que a Warner/DC estariam produzindo uma série de TV da Justiça Jovem, que é apenas uma releitura mais “moderna” dos Novos Titãs, criada nos anos 1990.

Já o Asa Noturna, nos quadrinhos,  é Dick Greyson, ninguém menos do que o primeiro Robin. Após perder os pais assassinados ainda adolescente, Greyson é adotado por Bruce Wayne e, posteriormente, treinado para ser um combatente do crime. No fim da adolescência, Dick abandonou a identidade de Robin e se tornou o Asa Noturna, enquanto o papel de Robin foi ocupado por outros jovens sucessivamente. Asa Noturna tem histórias próprias publicadas pela DC Comics e é um dos personagens mais queridos e populares da editora pelos fãs.

Muitos rumores apresentavam a presença do personagem no filme Batman v Superman – Dawn of Justice, que está atualmente sendo filmado e deve estrear em 2016, mas aparentemente, Asa Noturna não está mesmo presente. No passado, a Warner/DC já cogitou seriamente uma série solo focada no personagem, que se chamaria The Greysons, sobre sua família e suas origens. Asa Noturna também é constantemente rumorizado para aparecer em Arrowa série de TV que  adapta o herói Arqueiro Verde.

Flash e Arrow: dividindo o mesmo espaço na TV.
Flash e Arrow: dividindo o mesmo espaço na TV.

Falando nela, o ator Stephen Amell disse ao site Comic Book Resources que há planos para que Arrow produza a sua própria versão da Liga da Justiça. Além do Arqueiro Verde, o programa já introduziu vários outros heróis, como Canário Negro, Arsenal e Elektron. Além disso, Arrow ganhou um spin-off (série derivada) por meio de The Flash, focada no famoso velocista da DC Comics. Nesta, além do personagem-título, já é confirmada a presença de Nuclear como um dos coadjuvantes.

Lanterna Verde e Arqueiro Verde unidos na arte de Neal Adams.
Lanterna Verde e Arqueiro Verde unidos na arte de Neal Adams.

Por isso, Amell diz que está querendo trazer o Lanterna Verde para aparecer em Arrow. Com isso, haveria heróis de peso (Arqueiro Verde, Flash e Lanterna Verde) o suficiente para bancar a formação de uma Liga da Justiça. Em Arrow já apareceu uma forte referência ao herói por meio da Ferris Air Company, a companhia aérea na qual trabalha o piloto Hal Jordan, que se transforma no Lanterna Verde após ganhar de um alienígena um anel extremamente poderoso que permite ao usuário transformar pensamentos em energia e, com isso, ingressar em uma força policial intergaláctica.

Ryan Reynolds como o Lanterna Verde.
Ryan Reynolds como o Lanterna Verde.

Apesar do tom bem mais fantasioso e de ficção científica do Lanterna Verde em comparação com o realista Arqueiro Verde, os dois personagens têm uma grande conexão nos quadrinhos, já tendo, inclusive, dividido a mesma revista mensal no início dos anos 1970, em histórias da dupla Dennis O’Neil e Neal Adams carregadas de críticas sociais. Amell afirma na entrevista que quer ver essa dinâmica na TV.

O Lanterna Verde já teve um longametragem pela Warner/DC em 2011, estrelado por Ryan Reynolds e foi um grande fracasso de público e crítica (leia a resenha do HQRock sobre ele clicando aqui). O personagem está pretensamente previsto para aparecer no filme da Liga da Justiça, que chegará aos cinemas em 2017. Em seguida, é previsto um filme que unirá Flash e Lanterna Verde em uma mesma aventura, para 2018.

Arriscaria a DC a criar uma nova versão do personagem para colocá-lo na TV? Parece difícil…

Supergirl: à caminho da telinha.
Supergirl: à caminho da telinha.

Por fim, o mesmo Deadline afirma que a série de TV da Supergirl vai mesmo acontecer. Apenas não será comandada por Michael Green conforme circulou dias atrás, mas por Greg Berlanti (de Arrow e Flash). O roteiro ficará a cargo de Ali Adler (de No Ordinary Family) e, segundo confirmou o próprio Berlanti ao Comics Book Resource, será uma nova interpretação da história de Kara Zor-El, a prima kryptoniana do Superman. Segundo o produtor, não há um canal ainda definido para o programa, que está em seus primeiros estágios de desenvolvimento.

Além disso tudo, estreiam este ano as séries Gotham (sobre as origens do Batman e do Comissário Gordon); Constantine (com as sombrias aventuras do mago John Constantine) e a já citada The Flash.

***

O Robin foi criado por Jerry Robinson, Bob Kane e Bill Finger, estreando em Detective Comics 38, de 1940, sendo o primeiro parceiro-mirim de um super-herói. Com o passar do tempo, o personagem se tornou muito popular, tendo aventuras-solo e liderado o grupo Os Novos Titãs, que foi o mais popular do início dos anos 1980. O Robin original,Dick Greyson, hoje atua como Asa Noturna e é um dos personagens mais queridos dos leitores da DC Comics.

O Arqueiro Verde estreou na revista More Fun Comics 73, de setembro de 1941, criado pelo escritor Mort Weisinger e com desenhos de George Papp. Ele também é um dos principais membros da Liga da Justiça.

A Supergirl foi criada em Action Comics 252, de 1959, numa história de Otto Binder e Al Plastino. Bastante popular, a personagem logo ganhou aventuras próprias.

Anúncios