Montagem de fã com as imagens oficiais de Dawn of Justice: Batman e Superman juntos.
Montagem de fã com as imagens oficiais de Dawn of Justice: Batman e Superman juntos.

Mais uma rodada de rumores acerca de Batman v. Superman – Dawn of Justice, sequência de Superman – O Homem de Aço, o reinício da franquia cinematográfica da Warner Bros. sobre o personagem da DC Comics, que colocará o homem-morcego contra o último filho de Krypton, resultando no primeiro encontro cinematográfico dos dois mais icônicos de todos os super-heróis. Primeiramente, cresceram os indícios de que o ator Scoot McNairy esteja interpretando o supervelocista The Flash, outro membro da Liga da Justiça, no longa. O motivo é que paparazzis flagraram o ator no set de gravação usando meias verdes, daquelas usadas para efeitos de CGI. Fãs logo relacionaram as meias a algum efeito de velocidade que envolveria o Flash.

Para por lenha na fogueira, ao ser entrevistado pelo site Schmoes Knows, o ator disse que espera fazer parte do Universo DC no Cinema por mais algum tempo, aumentando os indícios de que tem um contrato para vários filmes e pode, portanto, viver mesmo o Flash, que voltaria em um filme da Liga da Justiça (em 2017) e tem agendado, por fim, um filme em parceria com o Lanterna Verde para 2018.

O site Comic Book Resources, por sua vez, afirma que o Flash estará mesmo em Dawn of Justice, de modo que no final do longa, parte da Liga da Justiça irá se reunir para combater um vilão ainda não revelado – e que a maioria ainda pensa ser Apocalipse (Doomsday, no original), o famoso monstro que matou o Superman nos quadrinhos, na célebre história A Morte do Superman, de 1992. (Inclusive, há indícios, também, de que o homem de aço será pelo menos “dado como morto” no meio do filme!).

Scoot McNairy: Asa Noturna? Flash? Metallo? Ninguém?
Scoot McNairy: Asa Noturna? Flash? Metallo? Ninguém?

Essa versão prévia da Liga da Justiça terá – caso os rumores sejam verdadeiros – como membros Superman, Batman, Mulher-Maravilha, Aquaman, Ciborgue e o Flash. É uma reunião e tanto. Ainda mais para um filme que tem apenas os dois primeiros no título. O CBR acrescenta que o Lanterna Verde não aparecerá, já que a Warner quer introduzi-lo com calma e o fará no filme da Liga da Justiça, como uma maneira, também, de diminuir os efeitos negativos do filme solo do personagem, de 2011, que foi um fracasso retumbante nas bilheterias.

Flash já está na TV.
Flash já está na TV.

Entretanto, há alguns problematizadores para o rumor do Flash. Atualmente, há uma série de TV do personagem prestes a estrear (veja mais aqui) e ao contratar um outro ator para vivê-lo no cinema – na TV é interpretado por Grant Gustin – mais uma vez a Warner/DC perde a oportunidade de unir seu universo live action tal qual fez a concorrente Marvel com seus filmes e a série de TV Agents of SHIELD e uma nova leva de séries que virão em seguida (Agent Carter, Demolidor etc.).

Muito embora seja bem possível que a Warner/DC faça exatamente isso – manter os universos do cinema e TV totalmente separados – há outros elementos contra os rumores que envolvem as meias verdes de McNairy e o Flash: vários velocistas dos quadrinhos estão sendo adaptados ao live action neste exato momento (o próprio Flash na TV; e o personagem Mercúrio da Marvel apareceu em X-Men – Dias de Um Futuro Esquecido e voltará às telas em outra versão em Os Vingadores 2 – A Era de Ultron) e nenhum deles usou esse recurso nas gravações.

McNairy e suas meias verdes nos sets de filmagem: mutilado?
McNairy e suas meias verdes nos sets de filmagem: mutilado?

À visão do HQRock, as meias verdes de Scoot McNairy parecem muito mais realizadas para produzirem o efeito de uma mutilação de membros – seu personagem perderia as pernas – do que de velocidade. Afinal, é exatamente esse recurso que se usa quando se precisa criar cenas desse tipo no cinema de hoje. Caso o personagem de McNairy for mutilado no filme – talvez até nas cenas que, segundo outros rumores, se passariam na batalha final entre o Superman e o General Zod, mostrada em O Homem de Aço, que seriam recapituladas neste novo filme para introduzir a figura de Bruce Wayne em meio aos eventos (veja mais sobre isso aqui) – abrem-se de novo as possibilidades de que o ator esteja fazendo o vilão Metallo, que poderia ser mutilado, ficar com ódio do Superman e se submeter a um teste com Kryptonita para se tornar um ciborgue superpoderoso, criado por Lex Luthor.

Versão mais radical de Metallo, como ciborgue: no filme?
Versão mais radical de Metallo, como ciborgue: no filme?

Assim, Metallo poderia ser o “vilão físico” em vez de Apocalipse. Ou seria introduzido para voltar em O Homem de Aço 2, que deve chegar aos cinemas em 2018.

Por fim, o site Batman-News, que vem trazendo uma série de furos sobre Dawn of Justice, trouxe uma informação interessante hoje: parte da trama se passará em Washington, DC, a capital dos EUA. Paparazzis flagraram veículos nos sets de filmagem caracterizados como daquela cidade, que seria a terceira a aparecer no filme, que terá também as fictícias Metrópolis e Gotham City, lar do Superman e do Batman, respectivamente. O site afirma ter tido acesso ao roteiro e diz que uma grande cena de ação que se passará em Washington foi gravada em estúdio no mês de julho. Na trama, o homem de aço irá ao Congresso dos EUA responder pela grande destruição de Metrópolis por causa da batalha com Zod. Parte do público o considera salvador do mundo, mas outra parte o julga culpado pelo o que aconteceu, já que Zod não viria a nosso planeta se não fosse por sua presença aqui.

O prédio do Capitólio, em Washington, DC, onde fica o Congresso dos EUA.
O prédio do Capitólio, em Washington, DC, onde fica o Congresso dos EUA.

Com certeza, é um elemento muito bom da história que pode ser bem usado no filme.

O site também disse, esses dias, que a kryptonita – ao contrário da maioria das versões, em que é um minério vindo do planeta Krypton – será produzida artificialmente por Lex Luthor por meio dos restos da Máquina de Terraformação usada por Zod em O Homem de Aço.

Desse modo, embora a superlotação de heróis seja algo extremamente preocupante (como vão dar espaço para desenvolvê-los em tão pouco tempo de tela e ainda contar a história de rivalidade entre o Batman e o Superman?), os outros elementos da trama parecem cada vez mais promissores.

***

Em Batman v. Superman – Dawn of Justice, um Batman mais experiente irá se contrapor ao recém-surgido Superman, criando algum tipo de conflito entre ambos, mais ou menos nos parâmetros da minissérie Batman: O Cavaleiro das Trevas, escrita e desenhada por Frank Miller, em 1986. Segundo os informes até agora, será um “novo” Batman e não uma sequência da Trilogia Cavaleiro das Trevas, embora a premissa de um homem-morcego mais experiente seja justamente adequada a isso.

Mulher-Maravilha também terá uma (pequena?) participação no filme. Lex Luthor é o vilão principal, mas haverá outro antagonista, provavelmente, mais físico, que pode ser alguém como Doomsday (Apocalypse), Metallo ou Parasita. A cidade de Detroit será o modelo para Metrópolis e para Gotham City também. As filmagens principais estão ocorrendo no Estado de Michigan.

Batman v. Superman – Dawn of Justice  é produzido por Deborah Snyder, com história de David S. Goyer (dos filmes do Batman e O Homem de Aço), roteiro de Chris Terrio (de Argo) e dirigido por Zack Snyder (de 300 Watchmen), funcionando como uma sequência de Superman – O Homem de Aço. O elenco traz Henry Cavill (Superman/Clark Kent), Ben Affleck (Batman/Bruce Wayne), Amy Adams (Lois Lane),  Jesse Eisenberg (Lex Luthor), Gal Gadot (Diana Prince/ Mulher-Maravilha), Laurence Fishburne (Perry White), Diane Lane (Martha Kent), Jeremy Irons (Alfred Pennyworth), Tao Okamoto (Mercy Graves), além de Holly Hunter, Callan Mulvey e Scoot McNairy em papeis não revelados; e a participação especial de Jason Mamoa (Orin/ Aquaman). O lançamento será em 25 de março de 2016.

Superman foi criado por Jerry Siegel e Joe Shuster em 1938 e desde então é publicado pela DC Comics.

Batman foi criado pelo cartunista Bob Kane em 1939 e desde então é publicado pela DC Comics.

Anúncios