Harpia em seu velho uniforme dos anos 1980.
Harpia em seu velho uniforme dos anos 1980.

A segunda temporada de Agents of SHIELD, série de TV adaptando os personagens da agência de espionagem da Marvel Comics, produzido pela Marvel TV e exibido na rede ABC, terá a estreia da heroína Harpia (Mockinbird, no original) no Universo Live Action da Marvel. 

Nos quadrinhos, Barbara “Bobbi” Morse, a Harpia, é uma agente da SHIELD que se apaixona pelo Gavião Arqueiro e termina se transformando também em uma heroína uniformizada e membro dos Vingadores

Luta entre Harpia e o Gavião Arqueiro na minissérie de 1983.
Luta entre Harpia e o Gavião Arqueiro na minissérie de 1983.

Ela foi criada pelo escritor Gerry Conway e o desenhista Barry Windsor-Smith e estreou em Astonishing Tales 06, de 1971, como coadjuvante de uma história de Ka-Zar, uma versão do Tarzan pertencente à Marvel. Introduzida como uma cientista (bióloga), a personagem continuou aparecendo naquelas histórias ao longo dos anos 1970 e também se envolveu na origem do personagem Man-Thing (o Homem-Coisa), outro obscuro personagem da editora. Nas aventuras de Ka-Zar, mais tarde, o escritor Mike Friendrich revelou que Morsi também era a Agente 19 da SHIELD, em 1972

No fim dos anos 1970, o escritor Mark Gruenwald criou uma vilã chamada Mockinbird para a galeria de inimigas da Mulher-Aranha, heroína cujo o título escrevia. Contudo, após sair da revista sem utilizar a nova criação, o roteirista terminou cedendo sua criação ao roteirista Steven Grant, que fez a estreia de Harpia como heroína em Marvel Team-Up 95, de 1980, mesclando aquele novo conceito à personagem Bobbi Morse já existente.

Um dos principais casais dos Vingadores.
Um dos principais casais dos Vingadores.

Marvel Team-Up era uma revista que trazia histórias do Homem-Aranha ao lado de algum outro personagem da Marvel. Naquela edição, Harpia é apresentada como uma ex-agente da SHIELD que adotou o codinome Harpia para investigar a corrupção dentro da agência. Em sua caçada, unem-se o aracnídeo e o diretor da SHIELD Nick Fury

Mark Gruenwald retomou a personagem para si colocando-a como coadjuvante (e interesse amoroso) do Gavião Arqueiro na minissérie Hawkeye, de 1983, com desenhos de Bret Breeding. Gruenwald também era editor da revista Avengers e convenceu o escritor Roger Stern a colocar a dupla da revista.

Roger Stern e o desenhista Bob Hall colocaram Gavião Arqueiro e Harpia como personagens coadjuvantes dos Vingadores a partir de Avengers 239, de 1983, e Bobbi Morse é apresentada como esposa de Clint Barton na edição 241. 

Os Vingadores da Costa Oeste em sua própria revista.
Os Vingadores da Costa Oeste em sua própria revista.

Em seguida, em 1984, Stern e Hall lançaram a minissérie West Coast Avengers, que apresentou os Vingadores da Costa Oeste, uma subdivisão da equipe principal, liderara por Gavião Arqueiro e tendo como membros Harpia, Homem de Ferro, Magnum (Wonderman, no original) e Tigresa

Um ano depois, West Coast Avengers virou uma revista mensal com as aventuras da nova equipe. Harpia continuou ligada até a edição 37, de 1987 (por Steve Englehart e Al Milgron), quando se demitiu dos Vingadores e terminou o casamento com o Gavião Arqueiro em decorrência do fato de ter deixado propositadamente o aventureiro Cavaleiro Fantasma cair para a morte de um desfiladeiro. O Cavaleiro Fantasma havia abusado sexualmente dela em uma edição anterior.

Ela voltou pouco tempo depois, em Avengers West Coast 41, de 1989, escrita e desenhada por John Byrne, que deu início a uma nova fase da equipe. Inicialmente apenas uma coadjuvante, ela terminaria readimitida na equipe e assim permaneceria na temporada seguinte da revista, nas mãos do casal de escritores Roy e Dann Thomas

Harpia no desenho animado dos Vingadores em 2012.
Harpia no desenho animado dos Vingadores em 2012.

Em Avengers West Coast 89 e 90, Harpia é sequestrada pelo robótico Ultron e após ser salva pelo Gavião Arqueiro, o casal termina se reconciliando. Contudo, a personagem é morta em um confronto contra Mefisto na edição 100, de 1993.

Contudo, como ninguém fica morto muito tempo nas HQs, Harpia terminou reaparecendo viva no final da minissérie Invasão Secreta, de 2007. Na trama, os Novos Vingadores descobrem que os alienígenas Skrulls – que têm a habilidade de assumirem a forma de outros seres – há anos invadiram a Terra e trocaram de lugar com figuras-chaves do planeta para humilhar e dominar o globo e os Vingadores, em vingança a batalhas passadas. 

Clint Barton, então usando a identidade de Ronin, descobre que a Bobbi Morse que morreu anos antes era, na verdade, uma Skrull infiltrada – a troca teria ocorrido durante o cativeiro com Ultron – e que, portanto, a verdadeira Harpia estava viva, sob o domínio dos alienígenas. 

O novo visual da Harpia.
O novo visual da Harpia.

A ideia de trazê-la de volta a vida foi do editor Jim McCann e foi acatada pelo escritor de Invasão Secreta, Brian Michael Bendis. A partir de então, Harpia voltou a fazer parte dos (agora Novos) Vingadores e passou a ser retratada como uma heroína mais durona, com um visual melhorado significativamente também.

Adrianne Palicki já foi a Mulher-Maravilha e agora será a Harpia.
Adrianne Palicki já foi a Mulher-Maravilha e agora será a Harpia.

Voltando à série de TV, Harpia será interpretada por Adrianne Palicki, famosa dos fãs de HQs por ter interpretado a Mulher-Maravilha no Piloto da série de TV que não foi aprovado pela CBS em 2011. O release oficial da Marvel TV informa que a aparição de Bobbi Morse será uma participação especial, mas tem potencial para voltar a ocorrer no futuro (dependendo da recepção do público, claro). 

Os fãs mais afoitos, obviamente, já esperam vê-la interagir com o Gavião Arqueiro no cinema. Quem sabe em Os Vingadores 3, em 2019? Ou antes…

A nova temporada de Agents of SHIELD estreia em setembro próximo. 

 

Anúncios