O Homem-Aranha e a Gata-Negra: relação conturbada.
O Homem-Aranha e a Gata-Negra: relação conturbada.

Segundo o site Deadline Hollywood, a Sony Pictures acaba de adicionar mais um filme à franquia do Homem-Aranha, o popular personagem da Marvel Comics levado ao cinema por eles. Além dos filmes do Sexteto Sinistro (2016) e o filme solo de Venom (2017), o estúdio irá lançar um filme de uma heroína ligada ao aracnídeo para este último ano.

Não foi revelada que heroína é essa, mas a mais provável é a Gata Negra, espécie de versão da Mulher-Gato para o universo do Homem-Aranha: uma ladra pela qual Peter Parker termina se apaixonando, levando a moça a abandonar a vida de crimes e virar uma heroína não muito certinha. Ela ganha vantagem porque seu alterego, Felícia Hardy, apareceu em O Espetacular Homem-Aranha 2 – A Ameaça de Electro, que estreou este ano, vivida pela atriz britânica Felicity Jones.

Outras candidatas sérias à vaga da heroína no filme são a Mulher-Aranha, a Garota-Aranha, Arachne e Silver Sable. (Sim, isso é tão ruim quanto aparenta).

A primeira Mulher-Aranha.
A primeira Mulher-Aranha.

A Mulher-Aranha é uma heroína chamada Jessica Drew que não guarda realmente nenhuma vinculação maior com sua inspiração e que surgiu na revista Marvel Spotlight 32, de 1977, criada por Artie Goodwin, Sal Buscema e Jim Mooney. A personagem fez sucesso no fim dos anos 1970 e ganhou uma revista própria que teve mais de 40 edições. Ela é uma detetive particular que se envolve com a organização terrorista HIDRA, mas vira para o lado dos mocinhos. Tem o poder de escalar paredes e lançar raios de energia de forma moderada. Ao longo dos anos, surgiram várias variações da personagem, como as citadas acima. Tanto a Mulher-Aranha I quanto a II fizeram parte dos Vingadores, mas é a original quem continua sendo publicada. Apesar dessa vinculação com a equipe, os direitos de adaptação da personagem ao cinema, aparentemente, pertencem à Sony (que cuida do Homem-Aranha) e não do Marvel Studios (que leva os Vingadores aos cinemas).

Silver Sable é uma mercenária que apareceu em algumas aventuras do herói, especialmente nos anos 1980 e 1990. De todas, é a que tem menos chances. Zero, eu diria.

O Sexteto Sinistro pelo brasileiro Mike Deodato Jr.
O Sexteto Sinistro pelo brasileiro Mike Deodato Jr.

É muito provável que a Gata Negra apareça também no filme do Sexteto Sinistro, que nos quadrinhos é uma equipe de vilões que reúne Dr. Octopus, Abutre, Electro, Homem-Areia, Mysterio e Kraven, o caçador. No cinema, o grupo deverá ser bastante diferente, afinal, deve aproveitar os personagens já introduzidos nos dois filmes da nova franquia do cabeça de teia: Duende Verde, Electro, Rhino, Gata Negra e Lagarto. O mais recente filme mostrou explicitamente os equipamentos de Octopus e Abutre, o que já passa da conta do time.

Venom: querido dos fãs.
Venom: querido dos fãs.

Além disso, o Deadline também afirma que o título oficial do filme do Venom é Venom Carnage, o que obviamente coloca o vilão contra um de seus derivados: o Carnificina. Nas HQs, Venom é um simbionte alienígena que se aprece com uma roupa (isso mesmo! É estranho) e se fixa em hospedeiros para roubar-lhes a energia vital. O Homem-Aranha foi vítima do bicho por um tempo e, depois que se livrou dele, o alien tomou posse do jornalista Eddie Brock, que virou um vilão obcecado em matar o aracnídeo. Venom foi um dos vilões mais populares dos quadrinhos dos anos 1990 e surgiu na revista Amazing Spider-Man 300, de 1988, criado por David Michelinie e Todd McFarlane. O vilão já apareceu nos cinemas antes, como antagonista em Homem-Aranha 3, de Sam Raimi, em 2007.

Já o Carnificina surgiu um pouco depois e é uma variação do simbionte, quando parte deste se apossa do serial killer Cletus Kasady. Enquanto Venom é preto, Carnificina é vermelho.

Para aqueles que chegaram agora e não estão entendendo nada: a Sony não ficou totalmente satisfeita com a bilheteria de O Espetacular Homem-Aranha 2 (leia a resenha do HQRock sobre o filme e descubra porquê) e decidiu investir em filmes derivados da franquia do escalador de paredes antes de lançar o terceiro da série – que só deve chegar aos cinemas em 2018. Assim, sairão antes Sexteto Sinistro, Venom Carnage e a tal heroína misteriosa.

Isso vai dar certo?

Não nos parece uma boa ideia…

O Homem-Aranha foi criado por Stan Lee e Steve Ditko em 1962, na revista Amazing Fantasy 15, da Marvel Comics. Ele é publicado até hoje na revista Amazing Spider-Man e outras e também é membro dos Vingadores.

 

Anúncios