Roger Waters: Ex-líder do Pink Floyd irá se apresentar no Festival de Folk de Newport

Roger Waters nos shows de The Wall.

Roger Waters nos shows de The Wall.

O músico e compositor britânico Roger Waters, famoso por ter sido o líder da banda Pink Floyd, uma das mais importantes da história do rock, anunciou que irá se apresentar este ano no famoso Newport Folk Festival, o mais tradicional dos festivais de música folk dos Estados Unidos. Será o primeiro show completo de Waters em dois anos, após o músico ter encerrado a turnê mundial em que encenou na íntegra o álbum The Wall, lançado pelo Pink Floyd em 1979, e que foi um sucesso absoluto de público e crítica.

Waters não deu detalhes de qual será seu repertório, porém, o músico não deve tocar o The Wall, tendo em vista o caráter notoriamente acústico que predomina em Newport.

O festival ocorre desde os anos 1950 e ajudou a lançar todos os grandes nomes da música Folk dos EUA, como Bob Seeger, o trio Peter, Paul & Mary, Joan Baez e Bob Dylan. Em 2015, o festival também comemora o 50º aniversário da lendária edição em que Bob Dylan se apresentou pela primeira vez com instrumentos elétricos (como guitarra e órgão) e foi vaiado pelo público e criticado por estar “se vendendo ao sistema”. Os nomes deste ano no festival, segundo a revista Rolling Stone, além de Waters, incluem Sufjan Stevens, Courtney Barnett, The Decemberists, J. Macis e Iron & Wine.

Atualmente, Roger Waters prepara um novo disco solo – o primeiro de rock desde 1992, pois já lançou uma ópera nesse meio tempo – que deve chegar às lojas ainda este ano.

Roger Waters (topo à esquerda) com o Pink Floyd nos anos 1970.

Roger Waters (topo à esquerda) com o Pink Floyd nos anos 1970.

***

George Roger Waters nasceu em Surrey na Inglaterra, em 1943, mas viveu toda a infância e juventude em Cambridge, onde conheceu o guitarrista e cantor Syd Barrett. Após ambos mudarem para Londres – onde Barrett estudou arte e Waters arquitetura – se reencontraram e fundaram o Pink Floyd em 1965. A banda se consolidou com a dupla mais Nick Mason na bateria e Richard Wright nos teclados e, após dois anos, se tornou a febre do movimento alternativo de Londres e marco maior do movimento psicodélico. A estreia fonográfica veio em 1967 com sucesso, mas Syd Barrett foi afastado da banda por sérios problemas mentais relacionados ao abuso no uso de drogas. Foi substituído por David Gilmour, em 1968, amigo dele e de Waters também de Cambridge.

Sem Barrett, Roger Waters se consolidou como o líder inconteste do Pink Floyd, além de seu principal compositor, mesmo que os vocais fossem realizados em sua maioria por David Gilmour. Permanecendo no circuito alternativo por alguns anos, o Pink Floyd se tornou uma das bandas de maior sucesso do mundo em 1973, com o lançamento do álbum Darkside of the Moon. A carreira de sucesso prosseguiu ao longo dos anos 1970, com discos como Wish You Were Here (1975) e The Wall (1979). Após uma série de brigas e crises, Roger Waters deixou a banda em 1985, mas Gilmour, Wright e Mason continuaram com a banda até 1996.

Roger Waters fez uma carreira solo com pouco sucesso, mas aclamada pela crítica em discos como The Pros and Cons of Hitching Hiking (1984), Radio KAOS (1987) e Amused to Death (1992), além da ópera Ça Ira (2005).

 

Esquadrão Suicida: Batmóvel é flagrado em ação no set

As gravações externas em Toronto, no Canadá, de Esquadrão Suicida, filme que adaptará as aventuras do grupo de vilões forçados a trabalhar para o Governo dos EUA em troca da redução de pena, publicado nas revistas da DC Comics e levado aos cinemas pela Warner Bros. dentro do mesmo universo ficcional de Batman e Superman, renderam uma grande surpresa ontem de madrugada: foi filmada uma cena de perseguição do batmóvel contra o Coringa. Se ainda havia alguma dúvida de que o Batman estaria no filme – conforme já afirmavam velhos rumores – agora está confirmado. Veja abaixo um vídeo com algumas tomadas da cena:

O batmóvel...

O batmóvel…

Na cena em questão, o Coringa dirige um automóvel espalhafatoso, da cor roxa com luzes verdes e brancas (um coringamóvel…), enquanto o batmóvel parte em alta velocidade contra ele.

Mês passado, rumores garantiram que o ator Ben Affleck – que interpreta o Batman em outro filme da DC Comics/ Warner: Batman vs. Superman – A Origem da Justiça – havia sido visto no set de Esquadrão Suicida e que usaria o uniforme do homem-morcego. Em seguida, realmente apareceram imagens do ator circulando no set. O resto de dúvida que pairava era porque alguns sites afirmavam que A Origem da Justiça teria uma cena de flashback com uma batalha entre o Batman e o Coringa, resultando na morte do Robin Jason Todd e que a Warner aproveitara para realizá-la agora, em meio às gravações de Esquadrão. (Entenda lendo aqui).

Como uma coisa não exclui a outra (nada foi confirmado a respeito da cena de flashback) é possível que ambas as cenas existam. E Esquadrão Suicida terá esta participação do Batman em perseguição ao Coringa. Muito provavelmente, é também uma cena de flashback, mostrando como o Coringa foi preso e parte da origem da Arlequina, a maluca namorada do vilão. (Veja aqui).

... e o carro do Coringa.

… e o carro do Coringa.

Outros rumores diziam que Batman seria uma “presença” marcante em Esquadrão Suicida, tendo em vista que um dos grandes objetivos de Amanda Waller seria prender o herói que é considerado um vigilante ou um terrorista urbano. A presença do homem-morcego e do Coringa também deve abrir caminho para um futuro filme solo do primeiro, algo ainda não confirmado pela Warner, que já planejou nove filmes para os próximos cincos anos, incluindo Liga da Justiça, Mulher-Maravilha, Aquaman e Flash.

Batman vs. Superman – A Origem da Justiça e Esquadrão Suicida serão lançados no próximo ano, nesta ordem.

Esquadrão Suicida mostrará o Governo dos EUA montando uma equipe tática secreta para missões especiais composta por criminosos, que recebem diminuições de penas em troca da ação forçada.

O Batman de Ben Affleck...

O Batman de Ben Affleck…

... e o Coringa de Jared Leto.

… e o Coringa de Jared Leto.

Suicide Squad, o filme, é escrito e dirigido por David Ayer e o elenco traz: Jared Leto (Coringa), Will Smith (Deadshot/Pistoleiro), Viola Davis (Amanda Waller), Jim Parrak (Slade Wilson/ Exterminador), Margot Robbie (Harleen Quinzel/ Arlequina), Joel Kinnaman (Rick Flagg Jr.), Jai Courtney (Bumerangue), Cara Delevingne (Enchantress), Jesse Eisenberg (Lex Luthor), Ed Harris (Rick Flagg Sr.), Common (papel não-revelado), Jay Hernandez (El Diablo), Ike Barinholtz (Dr. Hugo Strange), Adam Beach (Ravan), Karen Fukuhara (Plastique) e Adewale Akinnuoye-Agbaje (Crocodilo), com participação especial de Ben Aflleck (Batman). As gravações estão ocorrendo em Toronto, no Canadá. A estreia será em 05 de agosto de 2016.

Chegou a existir um time com o nome de Esquadrão Suicida na DC Comics em 1959, contudo, a encarnação mais famosa da equipe foi criada pelo roteirista John Ostrander (com desenhos de John Byrne) para a edição 03 da minissérie Legends, em 1987. Em seguida, o grupo ganhou até revista própria, sendo desde então, uma parte importante do Universo DC. Em live action, o grupo já apareceu nas séries de TV SmallvilleArrow.

O Coringa foi criado por Bob Kane, Jerry Robinson e Bill Finger e surgiu em Batman 01, de 1940.

Batman foi criado pelo cartunista Bob Kane, estreando na revista Detective Comics 27, de 1939 e desde então é publicado pela DC Comics.

Marvel Comics: Editora promete tudo diferente e tudo novo após Guerras Secretas

O release da Marvel: tudo diferente?

O release da Marvel: tudo diferente?

O HQRock já divulgou anteriormente que a editora Marvel Comics parece estar disposta a mudar totalmente o conteúdo de seu universo ficcional, promovendo um reboot que criaria uma nova cronologia para seus personagens. Embora não esteja claro qual o grau dessa mudança, ela vai ocorrer: a editora divulgou um release em que afirma que seu universo será “totalmente novo, totalmente diferente” no outono próximo, ou seja, a partir do mês de setembro ou outubro deste ano.

Alguns críticos e fãs ainda pensam (ou têm a esperança) de que não se trate de um reboot completo, mas apenas uma mudança de status quo, tais outras que a Marvel promoveu nos últimos anos. Até hoje, o universo ficcional da Marvel Comics mantém a mesma cronologia criada por Stan Lee e colaboradores nos anos 1960, ao contrário da concorrente DC Comics, que já recorreu a vários reboots nas últimas décadas, para adaptar seus personagens aos novos tempos e/ou tentar criar um universo mais coerente.

O grande motim da trama da Marvel é a saga Guerras Secretas, releitura” de outra saga com este mesmo título ocorrida nos anos 1980. Na nova aventura, várias realidades distintas colidem e, por isso, se espera que uma nova realidade emerja ao fim de tudo.

Segundo o release, após o fim de Guerras Secretas haverá um salto de oito meses nas histórias e veremos os heróis da Marvel “em condições totalmente novas, com surpresas, mistérios e grandes mudanças”, garante o Vice-Presidente Sênior de Publicações Tom Brevoort.

Um dos efeitos esperados (e temidos) é a unificação do Universo Marvel tradicional (aquele que advém dos anos 1960) com o Universo Ultimate (uma outra versão, mais “moderna” surgida nos anos 2000 e publicada em paralelo).

Rolling Stones: Banda faz show surpresa em Los Angeles a 5 dólares

Os Rolling Stones em Los Angeles ontem.

Os Rolling Stones em Los Angeles ontem.

A lendária banda britânica The Rolling Stones, uma das mais importantes da história, surpreendeu os fãs ontem, ao anunciar um show surpresa em Los Angeles, no Estado da Califórnia, nos Estados Unidos, no Fonda Centre, uma casa com 88 anos de idade. A venda dos ingressos foi anunciada no próprio dia do concerto e as vendas duraram apenas alguns minutos via internet, pelo site oficial do grupo. O valor da entrada era de apenas US$ 5,00, mas era proibido o uso de celulares e máquinas fotográficas por parte da plateia.

O público pagante – e mais alguns convidados especiais – foi de pouco mais de mil pessoas e a plateia continha nomes como os atores Bruce Willis, Jack Nicholson e Andy Garcia, além do músico e compositor Leonard Cohen, juntamente a apresentadora de TV brasileira Luciana Gimenez, que é mãe do filho caçula do vocalista Mick Jagger.

Os Stones gostam de tocar em lugares pequenos, porque o som sempre é melhor, e se permite um contato mais próximo e íntimo com a plateia. O concerto foi filmado e é provável que seja lançado em vídeo no futuro. Segundo reportagem da Folha de São Paulo, o vocalista Mick Jagger entregou uma performance vocal forte, enquanto o guitarrista Keith Richards manteve-se atrás comandando a seção musical, embora tenha cabido ao outro guitarrista, Ron Wood, a feitura da maioria dos solos.

Mick Jagger no centro do palco.

Mick Jagger no centro do palco, com Ron Wood à esquerda.

O centro do show foi o conteúdo integral do álbum Sticky Fingers, de 1971, considerado por muitos – inclusive pelo HQRock – como o melhor disco da longa carreira da banda e que acabou de ser relançado, com nova masterização, faixas bônus e outros brindes. O disco também é famoso pela capa que exibe o zíper da calça de um homem, criada pelo artista plástico Andy Warhol. Também foi o disco que lançou a famosíssima logomarca do grupo, com a bocarra de língua de fora.

Sticky Finger, de 1971, foi tocado na íntegra.

Sticky Finger, de 1971, foi tocado na íntegra.

Os Stones tocaram todas as faixas do disco, porém, trocando a ordem das faixas, para balancear melhor o show. O principal hit, Brown sugar, que abre o disco, por exemplo, encerrou o set list antes do bis. Além daquela, a banda tocou do álbum canções como Sway, Wild horses, Sister morphine, além das obscuras (e sensacionais) Dead flowers e Moonligh mile.

Fora do disco, o grupo tocou outras faixas, como Start me up, All down the line e Jumpin’ Jack flash, além de uma homenagem ao recém-falecido B.B. King, com Rock me baby, e um cover de Otis Redding, Can’t turn you loose, que encerrou a apresentação. Para um plateia menor e mais íntima, a banda se permitiu não tocar medalhões como (I can’t get no) Satisfaction, Gimme shelter ou Miss you.

Ron Wood, Keith Richards e Charlie Watts.

Ron Wood, Keith Richards e Charlie Watts.

Em meio à reação apaixonada da plateia, Mick Jagger brincou com a plateia: “Caramba! Ano que vem voltaremos aqui e tocaremos todo o Satanic Majestic“, citando o controverso disco de 1967 que, por causa de seu experimentalismo e psicodelismo não é muito querido do público fã da banda.

A Zip Code Tour dos Stones tem início oficial na próxima semana, 27 de maio, em San Diego, também na Califórnia e segue até o dia 15 de julho em Quebec, no Canadá.

Os Rolling Stones se formaram em Londres em 1962, dentro do circuito de R&B da cidade. Lançaram seus primeiros discos no ano seguinte e em 1964 alçaram o sucesso nacional. Em seguida, em 1965, veio o superhit (I can’t get no) Satisfaction e a aclamação mundial. Desde então, é uma das principais e mais influentes bandas de rock ainda em atividade.

Formado originalmente por Mick Jagger (vocais), Keith Richards (guitarra), Brian Jones(guitarra), Bill Wyman (baixo) e Charles Watts (bateria), a banda perdeu Jones em 1969, que foi substituído por Mick Taylor; que por sua vez deixou o grupo em 1975, cedendo lugar aRon Wood. Com a saída de Wyman em 1993, desde então, os Stones mantém-se como um quarteto com Jagger, Richards, Wood e Watts.

 

Batman vs Superman: Lex Luthor usará sua armadura, diz rumor

Lex Luthor e sua armadura nos quadrinhos. Arte de David Finch.

Lex Luthor e sua armadura nos quadrinhos. Arte de David Finch.

Segundo o site JoBlo, o vilão Lex Luthor será o principal oponente físico de Batman vs Superman – A Origem da Justiça, sequência de Superman – O Homem de Aço, o reinício da franquia cinematográfica da Warner Bros. sobre o personagem da DC Comics, que colocará o homem-morcego contra o último filho de Krypton, resultando no primeiro encontro cinematográfico dos dois mais icônicos de todos os super-heróis. Isso quer dizer que o criminoso, que é um ser humano comum sem nenhum superpoder, irá usar sua famosa armadura que lhe confere superforça e vôo para sair no braço com seus inimigos.

As fontes do site afirmam terem visto a armadura e dizem que é bastante fiel aos quadrinhos – inclusive nas cores verde e rosa – tendo também alguns elementos da versão usada nos jogos eletrônicos.

A versão do jogo Injustice: God Among Us...

A versão do jogo Injustice: God Among Us…

Até agora, acreditava-se que Luthor seria o “mentor intelectual” das maldades do filme, mas haveria outro vilão “físico”, como Apocalipse, Parasita ou Metallo.

No contexto do filme sequer é difícil imaginar como Luthor teria acesso a uma armadura que lhe possibilitasse lutar contra o Superman (e o Batman também?). O vilão pode ter acesso à tecnologia kryptoniana deixada pela invasão de O Homem de Aço e/ou roubar a tecnologia da armadura que o próprio Batman usa contra o Superman.

Ainda assim, críticos e fãs não descartam existir mesmo um outro vilão físico no filme, do qual Apocalipse é a maior aposta. Seria esse último que obrigaria Batman, Superman e Mulher-Maravilha unirem as forças no final, abrindo alas para o vindouro filme da Liga da Justiça.

E “para não dizer que não falamos das flores”, veja abaixo algumas artes conceituais fantásticas do filme divulgadas essa semana pelo Heroic Hollywood. Elas mostram o Batman em sua armadura lutando contra o Superman em duas cenas tiradas explicitamente dos quadrinhos, mais precisamente das artes de Frank Miller para O Cavaleiro das Trevas e de Jim Lee para Silêncio.

Em Batman vs. Superman – A Origem da Justiça, um Batman mais experiente irá se contrapor ao recém-surgido Superman, criando algum tipo de conflito entre ambos, mais ou menos nos parâmetros da minissérie Batman: O Cavaleiro das Trevas, escrita e desenhada por Frank Miller, em 1986. Segundo os informes até agora, será um “novo” Batman e não uma sequência da Trilogia Cavaleiro das Trevas, embora a premissa de um homem-morcego mais experiente seja justamente adequada a isso.

... e a versão do desenho em longa metragem Superman e Batman - Inimigos Públicos.

… e a versão do desenho em longa metragem Superman e Batman – Inimigos Públicos.

Mulher-Maravilha também terá uma participação no filme. Lex Luthor é o vilão principal, mas haverá outro antagonista, provavelmente, mais físico, que pode ser alguém como Doomsday (Apocalypse), Metallo ou Parasita. Outros personagens da DC Comics, como Aquaman e Ciborgue, terão pequenas participações no filme. A cidade de Detroit serve de modelo para Metrópolis e para Gotham City também. As filmagens ocorreram no Estado de Michigan e já se encerraram.

Batman v. Superman – Dawn of Justice  é produzido por Deborah Snyder e Charles Roven, com roteiro de Chris Terrio (de Argo) e David S. Goyer (dos filmes do Batman e O Homem de Aço); e dirigido por Zack Snyder (de 300 Watchmen), funcionando como uma sequência de Superman – O Homem de Aço. O elenco traz Ben Affleck (Batman/Bruce Wayne), Henry Cavill (Superman/Clark Kent), Amy Adams (Lois Lane),  Jesse Eisenberg (Lex Luthor), Diane Lane (Martha Kent), Laurence Fishburne (Perry White), Jeremy Irons (Alfred Pennyworth), Gal Gadot (Diana Prince/ Mulher-Maravilha), Tao Okamoto (Mercy Graves), além de Holly Hunter, Callan Mulvey e Scoot McNairy em papeis não revelados; e a participação especial de Jason Mamoa (Orin/ Aquaman). O lançamento será em 25 de março de 2016.

Superman foi criado por Jerry Siegel e Joe Shuster em 1938, estreando na revista Action Comics 01, e desde então é publicado pela DC Comics.

Batman foi criado pelo cartunista Bob Kane, estreando na revista Detective Comics 27, de 1939 e desde então é publicado pela DC Comics.

... e em Jim Lee.

… e em Jim Lee.

Arte conceitual baseada em Frank Miller...

Arte conceitual baseada em Frank Miller…

 

Capitão América 3 – Novas imagens das gravações de Guerra Civil mostram luta contra Ossos Cruzados e mais rumores sobre o filme aparecem

Ossos Cruzados chega para a batalha.

Ossos Cruzados chega para a batalha.

Prosseguem as filmagens de Capitão América – Guerra Civil, sequência de Capitão América 2 – O Soldado Invernal e fecho da trilogia das aventuras-solo do herói criado pela Marvel Comics, levado aos cinemas pelo Marvel Studios e Disney Company, nas ruas de Atlanta, no Estado da Georgia, nos Estados Unidos, e os fotógrafos de plantão nos permitem ver detalhes e supor questões importantes sobre a trama. Uma nova sequência de imagens mostra uma luta entre o Capitão América e o Ossos Cruzados. Veja ao lado.

Os sets estão preparados para parecerem um mercado africano que, supostamente será no país fictício de Wakanda, lar do Pantera Negra, que também está no filme. Uma grande sequência de ação se passará por lá, tendo em vista que essa gravação já ocorre há vários dias. O Falcão é outro personagem que está envolvido, gravando sequências de pouso e decolagem, além de lutas com sujeitos militarizados (que podem ser capangas da HIDRA).

Filmagem de luta entre o Capitão e Ossos Cruzados.

Filmagem de luta entre o Capitão e Ossos Cruzados.

Os motivos de Capitão América e Falcão estarem lutando contra a HIDRA e Ossos Cruzados em Wakanda provavelmente têm a ver com o vibranium – o metal mais rígido e valioso da Terra, do qual é feito o escudo do herói – dando sequência a um plot de Vingadores – Era de Ultron, que ainda está nos cinemas: a organização terrorista estava estocando e traficando o material que provém daquele país, única fonte deste mineral no planeta. (Nos quadrinhos, o vibranium chegou à Terra em um meteoro, portanto, só existe em Wakanda).

Outro ponto interessante é que o Heroic Hollywood – novo site de notícias formado pelo ex-principal articulador do Latino Review – revelou ontem que, no filme, o Pantera Negra estará à caça do Soldado Invernal, o que pode ser outro motivo para a dupla Capitão América e Falcão estar em Wakanda. Afinal, os dois querem ajudar o ex-amigo Bucky Barnes que sofreu lavagem cerebral. Se este rumor for verdadeiro, cria-se um laço entre o Pantera Negra e o Homem de Ferro, já que O Soldado Invernal revela que os pais de Tony Stark foram mortos por Barnes. Motivará isso uma aliança entre aqueles dois?

Convite para o funeral de Peggy Carter.

Convite para o funeral de Peggy Carter.

Por fim, também foi revelado por meio de imagens de quem era o funeral que foi filmado e registrado pelas câmeras alguns dias atrás: confirmando o que todos já pensavam, é mesmo o funeral de Peggy Carter, personagem que foi namorada do Capitão América em O Primeiro Vingador (nos tempos da II Guerra Mundial) e agora estrela sua própria série de TV, Agent Carter.

***

Civil War foi publicada como um minissérie em sete partes, entre 2006 e 2007, com roteiro de Mark Millar e arte de Steve McNiven, sendo a história da Marvel mais importante daquela década, mudando o status quo dos personagens por anos.

No filme, uma tragédia fará o Governo dos EUA baixar uma lei que exige o controle dos superhumanos, abrindo um debate acirrado entre o Homem de Ferro (que defenderá a lei) e o Capitão América (que julgará que ela fere dos os direitos civis). O Homem-Aranha terá uma participação importante no filme como alguém que fica dividido entre as duas facções. Além de Tony Stark assumir um papel quase vilanesco, também teremos como vilões o Barão Zemo e Ossos Cruzados. Os personagens dos filmes do Capitão – Soldado Invernal, Falcão, Sharon Carter – e dos outros filmes da Marvel – Viúva Negra, Gavião Arqueiro, Feiticeira Escarlate, Visão, Máquina de Combate e o estreante Pantera Negra – participarão do filme e se dividirão entre as duas facções. Guerra Civil também servirá de “abre-alas” para Vingadores – Guerra Infinita Parte 1 e Parte 2, que estreiam em 2018 e 2019, respectivamente.

Captain America – Civil War tem direção dos irmãos Joe Anthony Russo e roteiro de Christopher Markus e Stephen McFeelyO elenco tem Chris Evans (Steve Rogers/Capitão América), Robert Downey Jr.(Tony Stark/ Homem de Ferro), Scarlett Johansson (Natasha Romanoff/ Viúva Negra),  Sebastian Stan (Bucky Barnes/Soldado Invernal), Anthony Mackie (Sam Wilson/Falcão), Frank Grillo (Brock Rumlow/ Ossos Cruzados) Daniel Brühl (Barão Zemo), Emily VanCamp (Sharon Carter/ Agente 13), Jeremy Renner (Clint Barton/ Gavião Arqueiro), Elizabeth Olsen (Wanda Maximoff/ Feiticeira Escarlate), Paul Bettany (Visão), Paul Rudd (Scott Lang/ Homem-Formiga), Don Cheadle (Coronel Jim Rhodes/ Máquina de Combate), Chadwick Boseman (T’Challa/ Pantera Negra), Martin Freeman (papel não-revelado), com participação especial de Hayley Atwell (Peggy Carter). O longametragem será parte da Fase 3 do Universo Marvel nos Cinemas, que deve culminar emOs Vingadores 3 e 4, em 2018 e 2019. As filmagens já iniciaram em Atlanta, no Estado da Georgia, nos EUA e a estreia será em 06 de maio de 2016.

O Capitão América foi criado por Jack Kirby e Joe Simon em 1941 e foi o maior sucesso dos anos iniciais da Marvel Comics. Após décadas sem ser publicado, foi resgatado para as histórias modernas em Avengers 04, de 1964, por Stan Lee e Jack Kirby, numa história dos Vingadores, grupo que passou a liderar a partir de então.

Esquadrão Suicida: Veja o Coringa em ação nas filmagens

Jared Leto como o Coringa nos sets de Esquadrão Suicida.

Jared Leto como o Coringa nos sets de Esquadrão Suicida.

Uma série de imagens veio à tona ontem mostrando as gravações de Esquadrão Suicida, filme que adaptará as aventuras do grupo de vilões forçados a trabalhar para o Governo dos EUA em troca da redução de pena, publicado nas revistas da DC Comics e levado aos cinemas pela Warner Bros. dentro do mesmo universo ficcional de Batman e Superman. O grande destaque delas é mostrar o Coringa em ação pela primeira vez!

Já tínhamos visto a imagem oficial do ator (e também cantor e líder da banda 30 Seconds to Mars) Jared Leto como o icônico vilão, mas agora, podemos vê-lo mais ao natural em meio a uma cena em que contracena com a atriz Margot Robbie, que interpreta a também vilã (e namorada do Coringa) Arlequina.

suicide-squad movie sets joker and harleyquinn scene 1suicide-squad movie sets joker and harleyquinn scene 2suicide-squad movie sets joker and harleyquinn scene 3Na cena em questão, Harleen Quinzel (o nome da personagem) interrompe o carro do Coringa e aponta uma arma para ele. O vilão a encara e conversa com ela, terminando por beijá-la e estapeá-la em seguida. A sequência dá a entender que veremos algo da origem da personagem. Nos quadrinhos, ela era uma psiquiatra do Asilo de Arkham que termina por se apaixonar e se tornar totalmente obsessiva pelo Coringa. Tendo em vista este elemento – e o fato da Arlequina ser uma dos membros do Esquadrão Suicida (ao contrário do Coringa, que será mais um tipo de oponente) – é possível que a cena que vemos se trate de um flashback.

Esquadrão Suicida mostrará o Governo dos EUA montando uma equipe tática secreta para missões especiais composta por criminosos, que recebem diminuições de penas em troca da ação forçada.

O Coringa sai de seu carro.

O Coringa sai de seu carro.

Suicide Squad, o filme, é escrito e dirigido por David Ayer e o elenco traz: Jared Leto (Coringa), Will Smith (Deadshot/Pistoleiro), Viola Davis (Amanda Waller), Jim Parrak (Slade Wilson/ Exterminador), Margot Robbie (Harleen Quinzel/ Arlequina), Joel Kinnaman (Rick Flagg Jr.), Jai Courtney (Bumerangue), Cara Delevingne (Enchantress), Jesse Eisenberg (Lex Luthor), Ed Harris (Rick Flagg Sr.), Common (papel não-revelado), Jay Hernandez (El Diablo), Ike Barinholtz (Dr. Hugo Strange), Adam Beach (Ravan), Karen Fukuhara (Plastique) e Adewale Akinnuoye-Agbaje (Crocodilo). As gravações estão ocorrendo em Toronto, no Canadá. A estreia será em 05 de agosto de 2016.

Chegou a existir um time com o nome de Esquadrão Suicida na DC Comics em 1959, contudo, a encarnação mais famosa da equipe foi criada pelo roteirista John Ostrander (com desenhos de John Byrne) para a edição 03 da minissérie Legends, em 1987. Em seguida, o grupo ganhou até revista própria, sendo desde então, uma parte importante do Universo DC. Em live action, o grupo já apareceu nas séries de TV SmallvilleArrow.

O Coringa foi criado por Bob Kane, Jerry Robinson e Bill Finger e surgiu em Batman 01, de 1940.

Capitão América 3: Ação e funeral nas gravações de Guerra Civil. Atualizado com a primeira imagem de Ossos Cruzados.

Chris Evans como Steve Rogers com roupas de um funeral.

Chris Evans como Steve Rogers com roupas de um funeral.

Já acumulam algumas semanas as filmagens de Capitão América – Guerra Civil, sequência de Capitão América 2 – O Soldado Invernal e fecho da trilogia das aventuras-solo do herói criado pela Marvel Comics, levado aos cinemas pelo Marvel Studios e Disney Company, e algumas imagens captadas por paparazzis dos sets de gravação em Atlanta têm vindo à tona. Hoje pudemos ver, pela primeira vez, o Capitão América e o Falcão em ação, permitindo-nos ver em detalhes os novos uniformes desses personagens.

A dupla de heróis gravou uma cena de ação num set que se parece com um mercado africano, provavelmente, em Wakanda, fictício país que é o lar do Pantera Negra, que também está no filme. Os recentes dias de gravação também registraram a filmagem de uma cena de funeral.

O Capitão América em ação no que parece um mercado de Wakanda.

O Capitão América em ação no que parece um mercado de Wakanda.

Na cerimônia, vemos Chris Evans, Emily VanCamp e Scarlett Johansson vestidos de preto nos papeis de Steve Rogers, Sharon Carter e Natasha Romanoff, respectivamente. O protagonista, inclusive, é um dos que carrega o caixão.

Muitos especulam que o enterro em questão é da personagem Peggy Carter – vivida por Hayley Atwell – que foi a namorada de Rogers nos tempos da II Guerra Mundial e aparece rapidamente em O Soldado Invernal com mais de 90 anos e muito doente. A personagem é bastante querida dos fãs e estrela sua própria série de TV, Agent Carter, que ganhará sua segunda temporada em breve, além de participações especiais em Agents of SHIELD.

Steve Rogers em um funeral.

Steve Rogers em um funeral.

Nos quadrinhos, Peggy Carter também morreu de idade avançada em uma HQ de 2010.

Outro elemento perceptível das gravações de Guerra Civil é que teremos provavelmente outras cenas de flashback. A Marvel transformou um Irish Pub de Atlanta em um típico pub londrino, aparentemente, dos anos 1940. Segundo informações do site Just Stared, as filmagens no pub foram internas, mas como há uma janela grande de vidro, foram usados carros antigos e um ônibus de dois andares.

Falcão uniformizado no set.

Falcão uniformizado no set.

Uma curiosidade, enfim, é que todos esses elementos de filmagem estão muito ligados à figura de Steve Rogers, reforçando a ideia de que é mesmo um filme do Capitão América e não dos Vingadores, como dá a entender o pretenso roteiro que vazou na internet. (Não viu? Clique aqui para ler!).

Ossos Cruzados faz sua estreia.

Ossos Cruzados faz sua estreia.

[Atualizado: Mal publicamos o post e um monte de imagens chegaram à internet com mais imagens da filmagem, inclusive, a primeira aparição do vilão Ossos Cruzados uniformizado! Outras imagens – exibidas lá embaixo – mostram o Capitão América atropelado por um táxi e o Falcão pousando depois de um vôo.

O visual de Ossos Cruzados, tal qual já prenunciado por rumores e notícias, traz grande influência dos quadrinhos e substitui a máscara por um capacete com um formato ligeiramente similar a um crânio.

O interessante é que o vilão tem duas próteses de metal nas mãos, talvez para lhe dar força extra para lutar de igual com o Capitão América. Fim da Atualização].

Por fim, o ator Mark Ruffalo intrigou os fãs ontem com uma postagem no Twitter. Ele postou o logo de Guerra Civil e a frase “a família Marvel ficou um pouquinho maior agora”. Muitos interpretam isso como uma dica de que Bruce Banner irá aparecer no filme. Ao lado de Thor, o Hulk é o único dos Vingadores originais do cinema que não estarão no filme. Pelo menos era isso o que se pensava.

Steve Rogers e Natasha Romanoff.

Steve Rogers e Natasha Romanoff.

Thor não estará presente porque retorna a Asgard ao fim de Vingadores – Era de Ultron e o Hulk tem um paradeiro desconhecido.

Mas tendo em vista que o General Thaddeus Ross – um grande rival de Banner como visto em O Incrível Hulk, de 2008 (veja mais aqui) – está em Guerra Civil, será possível que Banner aparecerá? É provável que em uma cena de flashback, levando em consideração Era de Ultron.

***

Civil War foi publicada como um minissérie em sete partes, entre 2006 e 2007, com roteiro de Mark Millar e arte de Steve McNiven, sendo a história da Marvel mais importante daquela década, mudando o status quodos personagens por anos.

Recriação da Londres dos anos 1940 em Atlanta.

Recriação da Londres dos anos 1940 em Atlanta.

No filme, uma tragédia fará o Governo dos EUA baixar uma lei que exige o controle dos superhumanos, abrindo um debate acirrado entre o Homem de Ferro (que defenderá a lei) e o Capitão América (que julgará que ela fere dos os direitos civis). O Homem-Aranhaterá uma participação importante no filme como alguém que fica dividido entre as duas facções. Além de Tony Stark assumir um papel quase vilanesco, também teremos como vilões o Barão Zemo e Ossos Cruzados. Os personagens dos filmes do Capitão –Soldado Invernal, Falcão, Sharon Carter – e dos outros filmes da Marvel –Viúva Negra, Gavião Arqueiro, Feiticeira Escarlate, Visão, Máquina de Combate e o estreantePantera Negra – participarão do filme e se dividirão entre as duas facções. Guerra Civil também servirá de “abre-alas” para Vingadores – Guerra Infinita Parte 1 e Parte 2, que estreiam em 2018 e 2019, respectivamente.

Um mercado em Wakanda.

Um mercado de Wakanda montado em Atlanta.

Captain America – Civil War tem direção dos irmãos Joe Anthony Russo e roteiro de Christopher Markus e Stephen McFeelyO elenco terá Chris Evans (Steve Rogers/Capitão América), Robert Downey Jr. (Tony Stark/ Homem de Ferro), Scarlett Johansson (Natasha Romanoff/ Viúva Negra),  Sebastian Stan (Bucky Barnes/Soldado Invernal), Anthony Mackie (Sam Wilson/Falcão),  Frank Grillo (Brock Rumlow/ Ossos Cruzados) Daniel Brühl (Barão Zemo), Emily VanCamp (Sharon Carter/ Agente 13), Jeremy Renner (Clint Barton/ Gavião Arqueiro), Elizabeth Olsen (Wanda Maximoff/ Feiticeira Escarlate), Paul Bettany (Visão), Paul Rudd (Scott Lang/ Homem-Formiga), Don Cheadle (Coronel Jim Rhodes/ Máquina de Combate), Chadwick Boseman (T’Challa/ Pantera Negra), Martin Freeman (papel não-revelado), dentre outros. O longametragem será parte da Fase 3 do Universo Marvel nos Cinemas, que deve culminar em Os Vingadores 3 e 4, em 2018 e 2019. As filmagens já iniciaram em Atlanta, no Estado da Georgia, nos EUA e a estreia será em 06 de maio de 2016.

O Capitão América foi criado por Jack Kirby e Joe Simon em 1941 e foi o maior sucesso dos anos iniciais da Marvel Comics. Após décadas sem ser publicado, foi resgatado para as histórias modernas em Avengers 04, de 1964, por Stan Lee e Jack Kirby, numa história dos Vingadores, grupo que passou a liderar a partir de então.

Falcão pousa...

Falcão pousa…

...Capitão em ação...

…Capitão em ação…

Outro olhar no Ossos Cruzados.

Outro olhar no Ossos Cruzados.

Vingadores 2: Era de Ultron atinge a marca de 1 bilhão nas bilheterias

Vingadores atingiram a marca de 1 bilhão.

Vingadores atingiram a marca de 1 bilhão.

Em seu 24º dia de exibição, Vingadores – Era de Ultron, a sequência de Os Vingadores, o épico do Marvel Studios que reuniu nos cinemas pela primeira vez a equipe de super-heróis da Marvel Comics formada por Capitão América, Thor, Homem de Ferro e Hulk, atingiu a rara marca de US$ 1 bilhão nas bilheterias do mundo. O destaque da última semana, foi a estreia na China, um dos maiores mercados do planeta, com um recorde por lá: 33,9 milhões, a maior estreia de um filme na história daquele país. Era de Ultron precisa agora faturar ainda a metade daquele total para ultrapassar a marca de Os Vingadores, de 2012, que chegou a US$ 1,4 bilhões, sendo a terceira maior bilheteria da história do cinema. Mas há bastante tempo para isso, já que acabou de estrear. A grande concorrência dos heróis da Marvel este ano é Velozes e Furiosos 7 que, embalados na morte do ator Paul Walker, já está batendo essa mesma marca.

Por fim uma curiosidade: quer saber quem aparece mais no filme? O site Vulture fez a contagem de tempo de tela dos personagens principais (em minutos). Veja aí:

  • Visão – 8:41
  • Thor – 14:18
    Gavião Arqueiro – 19:56
    Feiticeira Escarlate – 20:59
    Bruce Banner / Hulk – 23:55
    Mercúrio – 26:43
    Viúva Negra – 33:07
    Homem de Ferro – 45:34
    Capitão América – 50:25

Leia a Resenha Crítica do HQRock sobre o filme aqui.

Era de Ultron irá ultrapassar Os Vingadores?

Era de Ultron irá ultrapassar Os Vingadores?

Vingadores – Era de Ultron é o fechamento da chamada Fase 2 do Marvel Studios, que se desenvolveu em Homem de Ferro 3, Thor – O Mundo Sombrio, Capitão América – O Soldado Invernal e Guardiões da Galáxia. O filme envolve a ameaça da inteligência artificial Ultron, que constrói para si um corpo robótico indestrutível e quer eliminar a humanidade.  No filme, ele cria um exército de drones para auxiliá-lo. A trama envolve a dificuldade dos Vingadores existirem como equipe, que é potencializada pela chegada dos irmãos Feiticeira Escarlate e Mercúrio, que no início são opositores ao grupo. O andróide Visão também é introduzido, um ser artificial que se alia à equipe. Além de Ultron, também está presente a organização terrorista HIDRA e seu líder, o Barão Von Strucker. O supervilão Thanos, que apareceu brevemente no primeiro filme, também deve aparecer nas sombras, movendo a trama em direção ao capítulo seguinte da equipe, que será o filme duplo Vingadores – Guerra Infinita, Parte I e Parte II, que sairão em 2018 e 2019, respectivamente.

Avengers – Age of Ultron é escrito e dirigido por Joss Whedon. O elenco reúne Robert Downey Jr. (Tony Stark/Homem de Ferro), Chris Evans (Steve Rogers/Capitão América), Chris Hemsworth (Thor), Mark Ruffalo (Bruce Banner/Hulk), Scarlett Johansson (Natasha Romanoff/Viúva Negra), Jeremy Renner (Clint Barton/Gavião Arqueiro), Samuel L. Jackson (Nick Fury), Elizabeth Olsen (Wanda Maximoff/Feiticeira Escarlate), Aaron Taylor-Johnson (Pietro Maximoff/Mercúrio), James Spader (Ultron), Don Cheadle (Coronel James Rhodes), Cobie Smulder (Agente Maria Hill), Thomas Krestschmann (Barão Wolfgan Von Strucker), Paul Bettany (JARVIS/ Visão), Andy Serkis (Ulysses Klaue) e Kim Soo Hyun (Dra. Helen Cho), com participações especiais de Josh Brolin (Thanos), Anthony Mackie (Sam Wilson/Falcão) e Hayley Atwell (Peggy Carter). As filmagens passaram pela África do Sul, Itália, Coreia do Sul e Grã-Bretanha. O lançamento no Brasil foi em 23 de abril de 2015, uma semana antes dos EUA, onde chegou em 1º de maio.

Os Vingadores surgiram em 1963, criados por Stan Lee e Jack Kirby, publicados em The Avengers 01, reunindo personagens já criados previamente. Mais importante supergrupo da Marvel Comics, fazer parte da equipe significa ter um status diferenciado de importância no Universo da editora.

Supergirl: Assista ao primeiro trailer da nova série de TV

Depois de ontem serem reveladas imagens, horário e sinopse oficial de Supergirl, a vindoura série de TV que mostrará as aventuras de Kara Zor-El, a prima kryptoniana do Superman, criada nas revistas da DC Comics a ser exibida pelo canal CBS, hoje foi lançado o primeiro trailer do programa.

Veja abaixo:

Primeira imagem oficial da Supergirl da TV.

Primeira imagem oficial da Supergirl da TV.

O vídeo surpreende positivamente. O trailer deixa logo claro qual é a trama fundamental do Episódio Piloto e imprime um tom light e colorido à série, mas aparentemente tudo funciona. Não é nada mau termos mais heroínas por aí e o apelo feminino pode atrair o interesse pela série. Os fãs irão gostar porque há referências ao Superman o tempo inteiro. O vídeo já deixa claro que o Superman é um herói famoso e conhecido e Kara o conhece e sabe de suas ligações, embora o homem de aço em si não apareça, havendo apenas vislumbres e fotografias do herói em ação. É claro que, em pouco tempo, algum ator será contratado para vivê-lo em carne e osso.

O Episódio Piloto de Supergirl é escrito por Ali Adler (de No Ordinary Family) e Greg Berlanti (de Arrow), que também servem de Produtores Executivosdo programa, juntos a Sarah Schechter (da Berlanti Productions) e a Warner Bros. TV, sob a chancela da DC Entertainment. O elenco tem: Melissa Benoist (Kara Zor-El/ Kara Danvers/ Supergirl),Laura Benanti (Alura Zor-El),Chyler Leigh (Alex Danvers), David Harewood (Hank Henshaw),Calista Flockhart (Cat Grant) e Mehcad Brooks (Jimmy Olsen). A estreia deve ser em setembro de 2015.

A Supergirl foi criada em Action Comics 252, de 1959, numa história do Superman, por Otto Binder e Al Plastino. Bastante popular, a personagem logo ganhou aventuras próprias e segue publicada até os dias de hoje, com algumas interrupções e várias versões diferentes.

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 138 outros seguidores